Visão Geral

Seguimos o Manual de Boas Práticas do Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) e as diretrizes do Novo Mercado para a organização de nossa governança. No modelo atual, o Conselho de Administração é o mais alto órgão decisório do grupo, contando com suporte de comitês, do Conselho Fiscal e de uma estrutura de auditoria externa. Cabe ao conselho definir diretrizes estratégicas, sendo sua execução atribuição da Diretoria Executiva.

A diversidade de perfis neste fórum é essencial, pois possibilita que a Companhia se beneficie da pluralidade de opiniões e de um processo de tomada de decisão mais assertivo e seguro. O Conselho de Administração da JSL é formado tendo em vista a diversificação de gerações, conhecimentos e experiências, que são acumulados de maneira contínua em diferentes áreas de atuação e setores econômicos. Os atuais membros do Conselho possuem vasta atuação em diversos setores, como Transportes e Logística, Papel e Celulose, Químico, Metalúrgico, Portuário, Hospitalar, Bancário, Construção, Varejo, Óleo e Gás e Elétrico.

Além disso, a pluralidade das ideias é assegurada pelas diferentes trajetórias acadêmicos e experiências profissionais: empreendedorismo, econômica, administrativa, contábil, consultiva, tributária, societária e terceiro setor. Dessa forma, a organização busca proporcionar o equilíbrio entre as expectativas das partes interessadas e o fortalecimento contínuo das competências organizacionais.